Fisioterapia é indicado para prevenção e tratamento de gota

22/07/2015

Causada pelo excesso de ácido úrico no sangue que leva a um depósito de cristais de monourato de sódio nas articulações, a gota causa inflamações, surtos de atrite aguda e dores constantes em quem sofre. A doença em si não é considerada grave, mas caso as crises se tornem constantes, pode se tornar crônica e causar danos irreversíveis, como a artrose. Além disso, outras patologias que estão associadas requerem atenção, como hipertensão arterial, diabete, obesidade, anemia, doenças renais e até leucemia. Um importante aliado tanto na prevenção quanto no tratamento é a fisioterapia, que vai atuar no controle do quadro inflamatório através de diferentes recursos terapêuticos.

A gota geralmente acomete os cotovelos, joelhos e tornozelos e dependendo da articulação afetada e do grau de agressão, é indicado um procedimento específico. “Se estivermos em uma fase mais aguda o uso de medicação, gelo e repouso são prioritários, exercícios sem impacto serão recomendados somente num segundo momento com orientação de um profissional”, explica Pericles Machado, fisioterapeuta e diretor da Clínica Physio Athletic.

Os sintomas podem ser atenuados com exercícios regulares de alongamento, que aumentam a flexibilidade e ajudam a aliviar a tensão nas articulações reduzindo as inflamações. Pericles explica também que por se tratar de uma patologia de origem metabólica, a mudança de hábitos alimentares é fundamental.

“Se o paciente estiver sob todos os cuidados necessários, o período de remissão dos sintomas é rápido, em torno de quatro a sete dias”, diz o fisioterapeuta, que alerta que todos os problemas podem ser evitados com exames regulares, exercícios físicos e dieta balanceada.

A Physio Athletic está localizada à Praça Boa Ventura Ferreira da Rosa, nº 354, no Jardim Sumaré, em Ribeirão Preto. Mais informações através do telefone 16.3234.8373 ou no site www.physioathletic.com.br